A dinâmica actual

Durante toda a semana, as cotações do petróleo cresciam e neste momento, o preço encontra-se perto de máximos de cinco meses em área de referência 58.59 (nível Murray [3/8]).

O preço foi apoiado pela redução das reservas de petróleo comercial nos EUA e hoje, o petróleo encarece, devido à interrupções de funcionamento do oleoduto Keystone. Neste momento, o volume do petróleo transportado por mesmo está reduzido 85% (de volume médio diário de 590 mil de barris) que está relacionado com a fuga e derrama de produtos petrolíferos. Além disso, os investidores acreditam em prorrogação de prazo de vigência do acordo da OPEP+ até fim do ano 2018. A decisão sobre este assunto deverá ser tomada na reunião do consórcio e de exportadores externos na Viena em dia 30 de novembro. Referimos que Arábia Saudita promove ativamente a prorrogação deste acordo, mas uma série de companhias petrolíferas russas está cética em relação ao mesmo, porque a extração de petróleo reduzida influi negativamente ao retorno sobre seus investimentos e por isso, é impossível considerar esta questão como resolvida.  

A tarde, o mercado aguarda os dados sobre o número de plataformas petrolíferas de perfuração ativas nos EUA, publicados por Backer Hughes. O crescimento do índice poderá causar uma correção do preço.

Os níveis de apoio e de resistência

Tecnicamente, o preço está a examinar a referência 58.59 (nível Murray [3/8]) e se o mesmo for quebrado, o preço poderá a continuar o crescimento aos níveis 59.37 (nível Murray [4/8]) e 60.15 (nível Murray [5/8]). No entanto, é preciso abordar as posições longas com a prudência, porque o Estocástico encontra-se em área de sobrevalorização e o histograma MACD estabilizou-se em área positiva. A quebra do nível 57.81 (nível Murray [2/8], linha média do indicador “Bandas de Bollinger”) para baixo oferecerá uma perspetiva para a descida sucessiva aos níveis 57.00 (nível Murray [1/8]) e 56.25 (nível Murray [0/8]).

Os níveis de resistência são: 58.59, 59.37, 60.15.

Os níveis de apoio são: 57.81, 57.00, 56.25.

Os cenários de trading

As posições longas poderão ser abertas acima de nível  58.59 com os objetivos em 59.37, 60.15 e ordem de proteção em 58.20.

A afixação do preço abaixo de nível 57.81 tornará atuais as posições curtas com os objetivos em 57.00, 56.25 e ordem de proteção em 58.20.

WTI Crude Oil

CompraVendaSpread
65.23765.14196

Cenário

Um períodoIntervalo diário
SugestõesBUY STOP
Ponto de entrada58.65
Take Profit59.37, 60.15
Stop Loss58.20
Níveis de suporte56.25, 57.00, 57.81, 58.59, 59.37, 60.15

Cenário alternativo

SugestõesSELL STOP
Ponto de entrada57.75
Take Profit57.00, 56.25
Stop Loss58.20
Níveis de suporte56.25, 57.00, 57.81, 58.59, 59.37, 60.15
WTI Crude Oil: preço atingiu os máximos de cinco meses

Os materiais a publicar nesta página, são fornecidos pela companhia Claws&Horns em conjunto com a companhia LiteForex exclusivamente com os fins informativos e não poderão ser considerados com um conselho sobre investimentos, nem como uma consulta para objetivos de Diretiva 2004/39/UE. Além disso, os materiais presentes não foram elaborados em conformidade com os requerimentos legais, destinados para facilitar a independência de pesquisas de investimentos e não estão sujeitos a qualquer restrição para sucessiva divulgação destas pesquisas.

Iniciar trading
Em redes sociais
Chat "ao vivo"
Deixar comentário