A dinâmica actual

Nesta semana, as cotações do petróleo desciam e até sexta-feira perderam aproximadamente 3,7%, baixando para área de 60.93. Como os promotores atuaram o aumento das reservas de petróleo nos EUA e as informações sobre que por desentendimentos entre as companhias petrolíferas, a Rússia se poderá recusar de prorrogar o acordo OPEP+.   Refere-se que a restrição da extração de petróleo cria para os produtores russos os problemas de retorno sobre investimento. Neste momento, o Ministério das Energias da Rússia efetua as consultas ativas com os representantes de negócios, mas a decisão final ainda não está tomada.

Ao mesmo tempo, os representantes de Arábia Saudita estão seguros em que Rússia ainda não se recusará prorrogar o acordo, isfo foi pronunciado hoje pelo Ministro das Energias do país, Khalid Al-Falih.  Estas informações empurraram as cotações para cima, até nível 61.72. No entanto, é desconhecido, qual será o desenvolvimento deste crescimento.  Hoje, após de publicação de dados de Backer Hughes sobre o número de plataformas petrolíferas de perfuração ativas nos EUA, os preços do petróleo poderão novamente iniciar uma correção. É mais provável um novo aumento do índice, ademais, a EIA prevê que nos EUA a extração de petróleo crescerá 1,3% até fim deste ano.

Os níveis de apoio e de resistência

Tecnicamente, há três dias consecutivos o preço está a examinar referência 61.72 (nível Murray [3/8]) e em caso de afixar-se acima de mesma, poderá mover-se até níveis 62.50 (nível Murray [4/8]) e 63.28 (nível Murray [5/8]). Sobre o crescimento sinalizam também, os indicadores técnicos: O Estocástico abandonou área de desvalorização e formou um sinal para comprar, o histograma MACD se reduz em área negativa. Para os “ursos” parece principal o nível 60.93 (o nível Murray [2/8]). A sua quebra oferecerá uma perspetiva para posterior descida às referências 60.15 (nível Murray [1/8]) e 1.3000 (59.37 [0/8]).

Os níveis de apoio são: 60.93, 60.15, 59.37.

Os níveis de resistência são: 62.50, 63.28, 64.06.

Os cenários de trading

Em circunstâncias atuais, as posições longas poderão ser abertas desde nível 62.00 com os objetivos em 62.50, 63.28 e ordem de proteção em 61.70.

A afixação do preço abaixo de nível 60.93 tornará atuais as posições curtas com os objetivos em 60.15, 59.37 e ordem de proteção em 61.40.

Brent Crude Oil

CompraVendaSpread
81.21381.14271

Cenário

Um períodoIntervalo diário
SugestõesBUY STOP
Ponto de entrada62.00
Take Profit62.50, 63.28
Stop Loss61.70
Níveis de suporte59.37, 60.15, 60.93, 62.50, 63.28, 64.06

Cenário alternativo

SugestõesSELL STOP
Ponto de entrada60.90
Take Profit60.15, 59.37
Stop Loss61.40
Níveis de suporte59.37, 60.15, 60.93, 62.50, 63.28, 64.06
Brent Crude Oil: preço está a corrigir-se

Os materiais a publicar nesta página, são fornecidos pela companhia Claws&Horns em conjunto com a companhia LiteForex exclusivamente com os fins informativos e não poderão ser considerados com um conselho sobre investimentos, nem como uma consulta para objetivos de Diretiva 2004/39/UE. Além disso, os materiais presentes não foram elaborados em conformidade com os requerimentos legais, destinados para facilitar a independência de pesquisas de investimentos e não estão sujeitos a qualquer restrição para sucessiva divulgação destas pesquisas.

Iniciar trading
Em redes sociais
Chat "ao vivo"
Deixar comentário