O declínio dramático de uma moeda

Na história da economia mundial ficou registrado casos de moeda nacional forte e constante, mas que entrou em  colapso dentro  de poucos dias, forçando um país passar para o método de escambo, pois  o dinheiro deixou de representar qualquer valor. Os dramáticos colapsos de moedas foram causados por estado extremamente fraco no mercado interno e problemas na economia nacional.

Exemplos atuais do declínio de uma moeda

Hoje em dia, no tempo dos reguladores financeiros e variedade de ferramentas, que podem influenciar sobre a situação econômica, é ainda possível danificar sistema monetário nacional dentro de alguns meses apenas por decisão política  irreversíveis. Prática no Zimbabwe pode ilustrar que é bem possível. Em 1999 o governo deste país começou a confiscar de forma ilegal as terras de empresários europeus, que haviam cultivado esta terra por muitos anos. O confisco foi destinada a fornecer a população local, especialmente os veteranos de guerra, pela propriedade da terra, permitindo-lhes ganhar  renda. Esta decisão irrefletida resultou na retirada imediata do capital estrangeiro do país, o que causou o colapso da moeda nacional. Em 2008, quando a população local se recusou a cultivar a terra, os investimentos para o país parou completamente, preço dos alimentos aumentou em até bilhões, crescendo a cada 1,5 ou 2 horas. No período de escalada da tensão 2000-2009, o governo não tomou quaisquer medidas para a recuperação da economia. Em 2009 o governo decidiu abandonar a moeda nacional e introduzir a livre circulação do dólar.

Padrões do pós-guerra no mercado de câmbio

Após o fim da Segunda Guerra Mundial, os países agressores sofreram efeito devastador da inflação galopante. A Hungria foi o país que mais sofreu com o colapso da moeda em 1945. A indústria húngara foi completamente destruída depois da guerra e o país não tinha fontes de subsistência. Os preços aumentaram 4 vezes a cada dia e o governo começou a emitir novas notas. Em 1946, o governo introduziu uma nova moeda -o Forint, que ajudou a segurar e deter a inflação.

Um exemplo marcante do colapso do pós-guerra é ilustrado pelas condições na Grécia após a Segunda Guerra Mundial.

A economia grega foi paralisado, como o país que tinha de pagar enormes fundos para a Alemanha como empréstimos compulsórios. A fome, que se seguiu depois disso, prejudicou a economia completamente, causando aumento constante, todos os dias nos preços.

O famoso menor declínio da moeda

Surpreendentemente, o caso mais conhecido do declínio da moeda no mundo era uma quarta-feira Negra em 1992, quando a Libra caiu 4,49% em relação ao dólar e por 2,52% contra o alemão Mark. Embora a taxa de câmbio caiu insignificantemente, o fator tornou-se bem conhecida no mundo para um certo número de razões:

 

  • Foi o primeiro declínio significativo na moeda britânica, que sempre teve uma reputação da moeda confiável e forte;
  • De acordo com várias estimativas, devido a este declínio, o investidor e especulador americano George Soros ganhou de 1 a 1,5 bilhões de USD;
  • Considera-se que o colapso foi criado deliberadamente por uma pessoa, que não pertencia à elite dominante.

 

O famoso menor declínio da moeda

A crença de que havia uma ligação entre o colapso e as ações de Soros foi baseada no fato de que o fundo "Quantum", que pertencia ao investidor, tinha comprado a libra dentro de alguns meses.

Alegadamente, dentro de um dia, em 16 de setembro, Soros vendeu a moeda britânica para a quantidade para 5 bilhões, e comprou marcos alemães. Até o final deste dia Soros comprou de volta todos os fundos. No entanto, de acordo com cálculos matemáticos a quantidade real de vendas do GBP era muito maior, e este fato foi posteriormente confirmada pelo Sr. Soros. Nota-se que, a tensão no mercado começou em 9 de setembro, e as ações de um investidor apenas acelerou o processo.

O declínio dramático de uma moeda.

O conteúdo deste artigo é exclusivamente a opinião particular do autor e pode não está coincidir com a posição oficial da LiteForex. Os materiais a publicar nesta página, são fornecidos exclusivamente com os fins informativos e não poderão ser considerados com um conselho sobre investimentos, nem como uma consulta para objetivos de Diretiva 2004/39/UE.

Tem as perguntas para o autor? Você poderá a fazê-las nos comentários .
Iniciar trading
Em redes sociais
Chat "ao vivo"
Deixar comentário