A análise fractal. Os conselhos e aplicação prática em trading no mercado de criptomoedas.

Chegou a hora compartilhar a experiência e mostrar na prática como usar a análise fractal, observando o gráfico de Bitcoin.

Car@s amig@s,

Hoje, com este blogue, estou concluindo o tema de análise fractal.

Em blogues anteriores, aqui e aqui, já tive conversado sobre a origem de fractais, seus elementos básicos, níveis e pontos-chaves.

Nas hoje, talvez é uma das partes mais importantes deste tema, porque vamos a conversar como usar este modelo em realidade.

Logo quero dizer que Alexey Alexandrovich Almazov, o autor de livro que estamos estudando “ A TEORIA DE FRACTAIS. Como Alterar a Visão Sobre MERCADOS FINANCEIROS”, fala pouco sobre aplicação prática de fractais, concluindo o seu livro por regras gerais do trading e psicologia do mercado.

Por isso, esta parte de formação cabe a mim e eu vou compartilhando minha própria experiência de aplicação de análise fractal.

Como referiu Almazov, em primeiro lugar, a análise fractal é análise visual de gráficos, ou seja, um processo bastante criativo que depende em muito de percepção de mundo e de visão de quadro em geral pelo próprio analista.

Muitas vezes, podem surgir as situações, quando em mesmo tempo, os dois analistas observam no gráfico dois quadros totalmente diferentes e isto é normal.

Uma regra importante de análise fractal é a relação crítica à análise de gráficos.

Realizando a análise fractal, você deve sempre ter em conta várias opções de desenvolvimento de situação.

Vou dizer ainda mais, nunca entra no mercado, se vê no gráfico somente um modelo e supõe que este modelo é único e outro não pode ser, porque isto talvez significa que você realizou insuficientemente a análise e tornou-se o refém duma ideia afincada em você por mercado ou esta ideia é conveniente psicologicamente para você.

Com esta abordagem crítica, você terá que rever o gráfico em todos os pormenores literalmente.

Tendo em conta a AUTOSSIMILARIDADE que significa a auto-reprodução de fractal nos gráficos de tempo distintos, você não deve a enganar-se, esperando que o modelo fractal uma vez identificada por você, cada vez vai movendo-se em mesmo sentido.

Aqui, o problema consiste em que embora o modelo reproduz a si mesmo, ninguém diz que este modelo deve ser construído com o vector igual ao anterior.

Na realidade, muitas vezes surgem os casos de modelos espelhados com a ordem inversa de elementos ou os modelos revertidos a 180 graus.

Isto é, considerando todas as opções dadas de desenvolvimento de situação, você terá sempre pelo menos 2 ou melhor 3 cenários possíveis deste desenvolvimento.

Como um bom exemplo de reversão atua a situação com o par BTC/USD que agora está desenvolvendo no mercado.

Como nós vemos, o fim do último elemento do modelo fractal de “bois” tornou-se o início do novo modelo fractal, neste caso já de “ursos”.

Mas como não enganar-se em variedade de opções propostas, usando análise fractal?

Para isso existem os pontos de controle que foram bem descritas no blogue anterior dedicado à análise fractal.

 

Imaginamos que no gráfico apresentado acima, nós vemos um modelo fractal de “bois” e aguardamos a formação do Tridente. No entanto, por resultado de formação de último pico do Trident, observamos como o ticker está descendo abaixo de ponto de controle 4, ou seja, o início do elemente Trident no eventual fractal de “bois”, marcado com uma estrela vermelha e isto anula automaticamente a hipótese sobre o fractal de “bois” e requer a revisão deste modelo.

Por isso, é muito importante monitorar e marcar para si os pontos de controle.

Dizendo a verdade, é preciso referir que nem todas as criptomoedas são adequadas para a análise fractal.

Isto é porque alto nível da volatilidade das moedas pouco conhecidas e com baixa liquidez gere muito “ruído” que impede usar a análise de pontos de controle, devido à multidão de sinais falsos.

O mesmo problema surge com a escolha de gráficos de tempo para analisar, porque “a priori” que o gráfico é superior, será maior a volatilidade da moeda e somo o resultado, mais alta será a probabilidade de encontrar um sinal falso.

O modo mais simples para determinar se a análise fractal é adequada para uma moeda, é a avaliação visual.

Como um exemplo, eu fiz no gráfico de uma hora a análise da Quantum, isto é  moeda muito afastada de primeira centena por capitalização,

e comparei seu movimento com o Bitcoin no mesmo gráfico de tempo.

Apesar de movimentos destas duas moedas são muito similares, nós vemos que o comprimento de sombras no último gráfico é notavelmente mais curto e por isso, este instrumento é mais adequado para a análise fractal.

Também, são muito importantes os volumes do trading com este instrumento no mercado. Evidentemente, quando os volumes do trading são maiores, mais baixa será a volatilidade, comparando com as praças, onde os volumes são pequenos.

Independentemente de que instrumento de trading será escolhido para a análise fractal, você deverá a compreender que o essencial desta análise consiste em monitoração de elementos de impulso em modelo fractal.

Apenas o Impulse permite entrar no mercado com o risco relativamente baixo e sair de mercado com um lucro notável.

Para determinar corretamente os pontos de entrada e saída no elemento Impulse, nós necessitamos de usar as ferramentas de análise técnica complementares, tais como as linhas dos indicadores “Bandas de Bollinger” e MACD, embora posso dizer de minha própria experiência que para a análise fractal é mais adequado o oscilador “Chaikin”, porque além de valores dos preços, este considera os volumes do trading no mercado e como o resultado, está mais sensível às flutuações falsas e mostra sinais com maior frequência.

Como um exemplo, consideramos o instrumento BTC/USD mais popular para a análise.

.

Olhe o gráfico acima. Nós vemos como o pico local não está confirmado pelo oscilador (marcado com as setas azuis), formando uma divergência de “ursos” e ao mesmo tempo, estamos a ver uma faixa a estreitar-se composta de linhas de Bollinger (seta vermelha).

Estes ambos sinais são um bom sintoma do próximo movimento forte de impulso em sentido da tendência e por isso, são um sinal para entrar no mercado (em nosso caso para vender).

Como este movimento está incluído em nosso modelo fractal de “ursos”, nós podemos a falar com certeza que as estimativas serão justificadas.

Também, o fim do movimento de impulso será destacado pela forte divergência do oscilador e como uma confirmação, pelo  gráfico de preço que atravessará a linha média do indicador “Bandas de Bollinger” (ver o exemplo no gráfico abaixo).

Estes ambos sintomas são um sinal perfeito para encerrar as posições.

Analisando a situação que percorre atualmente no mercado de Bitcoin, como já tive escrito anteriormente, nós observamos o impulso do modelo fractal de “ursos”, cujo o fim surgirá com uma probabilidade de 90% não antes de alcançar o nível 1,618 de comprimento do elemento Origin, ou seja, o nível 5 600 USD, conforme os dados de bolsa Bitfinex.

No gráfico acima, nós vemos que novo mínimo está confirmado pelo oscilador. O próprio ticker do preço ainda está longe de linha média do indicador “Bandas de Bollinger” e isto significa que por enquanto é possível considerar última vela branca apenas em contexto dum ligeiro recuo antes de correção continuar.

Sucesso para todos e bons proveitos!

 

A análise fractal no mercado de criptomoedas (3ª parte final)

O conteúdo deste artigo é exclusivamente a opinião particular do autor e pode não está coincidir com a posição oficial da LiteForex. Os materiais a publicar nesta página, são fornecidos exclusivamente com os fins informativos e não poderão ser considerados com um conselho sobre investimentos, nem como uma consulta para objetivos de Diretiva 2004/39/UE.

Tem as perguntas para o autor? Você poderá a fazê-las nos comentários .
Iniciar trading
Em redes sociais
Chat "ao vivo"
Deixar comentário