Quando no mercado surgiram as criptomoedas, logo apareceram as Bolsas de criptomoedas. A popularidade e o número destas últimas estão aumentando sem parar. Respetivamente, surge uma pergunta: se vale a pena confiar o dinheiro a uma Bolsa de criptomoedas ou melhor depositar os fundos em “refúgios” mais habituais?

 

Cryptocurrency exchange: trust or not?

Em princípio, confiando os fundos às pessoas terceiras, você terá que compreender a existência de certos riscos. Seja isso uma conta bancária, mercado Forex ou Bolsa de criptomoedas. Mas guardar um grande montante de dinheiro em casa também não é seguro: casa poderá ser assaltada ou acontecer um incêndio, a inflação desvaloriza suas poupanças, etc.

Por quê um depósito é melhor do que guardar o dinheiro “em colchão”? A renta de juros, capitalização, dificuldades em tentação de gastar o dinheiro em vão.

Os investimentos em Forex rendem muito mais do que os depósitos bancários. Um trader típico poderá a aumentar 30-40% do seu depósito ao ano e os profissionais de negócio conseguem obter mesmo 80-150% em lucros. Mas isto é uma atividade arriscada. Existe sempre uma probabilidade de não adivinhar o movimento dos preços e sofrer de prejuízos. As vantagens do Forex são seguintes: decidindo operar individualmente ou confiar o dinheiro para um fundo de investimento, você sempre poderá a ganhar.

 

Cryptocurrency exchange: trust or not?

Mas voltarmos às Bolsas de moedas digitais. Segundo lugar em popularidade, seguindo às notícias sobre o crescimento do Bitcoin, ocupam as informações sobre a falência duma ordinária Bolsa de criptomoedas, ataques de hackers e previsões de breve queda duma criptomoeda. Os céticos estão contentes, quando não custaria o Bitcoin, eles profetam só: “Cairá em breve”.

Em qualquer forma, todos os estes receios são justos. Relembramos pelo menos a história escandalosa da Bolsa Mt.Gox, quando um ataque de hackers resultou em prejuízos nas contas com um equivalente em divisa no valor superior de 8 750 000 dólares e passando dois anos, esta Bolsa suspendeu as operações. O objetivo destes ataques de hackers tanto em computadores dos funcionários da Bolsa, como em dispositivos pessoais dos titulares de criptocarteiras consiste em obter uma chave de encriptação, cujo o uso permite facilmente retirar ou transferir os fundos. É impossível descodificar esta chave, mas bastante fácil rouba-la de computadores ou dispositivos celulares dos usuários inexperientes.

Como proteger suas poupanças, se escolheu as criptomoedas?

  • Não guarde em Bolsa todo o montante. Deixe na conta somente um valor necessário para operar durante uns dias. O resto de fundos acumule em sua criptocarteira.
  • Uma criptocarteira é primeira coisa que você terá deverá a criar, quando decidiu adquirir uma criptomoeda. Existem as criptocarteiras online e portáteis, parecidas a uma memória pen USB. Eu sugeria a usar carteiras “frias”, por exemplo, Ledger, em que uma transação tem assinatura num chip criptográfico e não se divulga para exterior.
  • Em outras opções de armazenamento, incluindo uma carteira instalada em computador, memória pen ou carteira em papel, é necessário apresentar uma chave codificada para assinar uma transação.
  • Use somente o software licenciado e instale um firewall e antivírus para garantir a segurança do seu computador ou dispositivo portátil.
  • Não aceite os ficheiros provenientes de pessoas desconhecidas nem abra-las em correio eletrônico, seja uma foto, documento de texto ou ficheiro de sistema. Um keylogger é o software nocivo que registra todas as ações do usuário, desde digitar algo no teclado até movimentos do cursor do mouse. Este software está ativamente usado pelos hackers e poderá ser envolvido em qualquer tipo de ficheiros.
  • Use um gestor de palavras-passes. Além de guardar as mesmas, estes programas têm opções úteis: proteção de fishing (pesquisa) de acesso aos nomes de usuário e palavras-passes, gerem as palavras-passe para criar inúmeras variações destas. Somente é possível descodifica-las, usando um computador quântico.

 

Cryptocurrency exchange: trust or not?

As criptomoedas é um fenómeno novo e interessante. Obviamente que este consta certos perigos e ameaças. Não vale a pena de temer destas, mas é preciso proteger-se corretamente. O mesmo toca os investimentos em Bolsas de criptomoedas. É um risco? Sim, sem dúvidas. Mas quaisquer investimentos apresentam sempre um risco. Mesmo se guardar o dinheiro numa caixa forte em casa.

Estimad@s traders, convidamos vocês juntar-se ao nosso chat de análise em Telegram, onde podemos discutir certas situações de trading com outros traders e conhecer as opiniões dos peritos.

Sigam ao link: t.me/liteforexbrazil Bem-vindo ao nosso chat Telegram!Bem-vindo ao nosso chat Telegram!

Uma Bolsa de criptomoedas: confiar ou não?

O conteúdo deste artigo é exclusivamente a opinião particular do autor e pode não está coincidir com a posição oficial da LiteForex. Os materiais a publicar nesta página, são fornecidos exclusivamente com os fins informativos e não poderão ser considerados com um conselho sobre investimentos, nem como uma consulta para objetivos de Diretiva 2004/39/UE.

Tem as perguntas para o autor? Você poderá a fazê-las nos comentários .
Iniciar trading
Em redes sociais
Chat "ao vivo"
Deixar comentário