Tudo o que você quis saber sobre Ethereum: particularidades da criptomoeda, vantagens e prejuízos. Como investir corretamente em ETHER e ganhar com o risco mínimo

O lucro de investimento em Ethereum tornou-se o mais alto entre mais de 1000 criptomoedas. Esta rede decentralizada é frequentemente comparada com o Bitcoin, embora estes startups realizam cardinalmente diferentes operações. Os analistas creem que Ethereum será um dos poucos projetos que sobreviverão quando o mercado de criptomoedas, apesar de tudo, se reduzirá. Até os concorrentes de Ethereum que aparecem não podem alcançar a um dos líderes do mercado pelo nível de capitalização, permanecendo na segunda dezena. O que é Ethereum, que tem de interessante a rede decentralizada do futuro, quais são os seus pontos fortes e fracos e particularidades, como investir em ETHER, leia na nossa revista.

Ethereum, rede decentralizada do futuro

Ethereum tornou-se o ativo mais lucrativo do ano 2017 entre mais de 1000 criptomoedas. Em menos dum ano, o seu preço cresceu em 6000%. Ainda em fevereiro, ETHER podia ser comprado por 12 dólares dos EUA, hoje o mesmo custa mais de 700 dólares estadunidenses. A soma da capitalização Ethereum alcançou quase 70 mil de milhões de dólares dos EUA (cerca de 11,55% da soma da capitalização total). Ainda que ao EHTER falta muito até BTC, o perseguidor mais próximo BCH, que ocupa o 3-ro lugar neste rating, contem a capitalização apenas de 32 mil de milhões de dólares estadunidenses. Sobre o que é a rede Ethereum, em que consistem as suas particularidades e perspetivas de crescimento, leia a seguir.

Что такое Ethereum, и как правильно инвестировать в криптовалюту

Ethereum, invistamos em tecnologia do futuro

O projeto Ethereum que tem diferenças significativas com o Bitcoin, foi criado no ano 2013 graças ao programador canadiense de origem russo, Vitalik Buterin. Já no ano 2014, ele com 20 anos de idade, ganhou uma beca para a sua realização, adiantando ao fundador do Facebook, Mark Zuckerberg. No final de junho do ano 2015, o startup Ethereum foi aberto para outros utilizadores.

Ethereum é uma plataforma que permite criar serviços online decentralizados na base da tecnologia blockchain. A criptomoeda para os cálculos dentro do sistema é o ETHER (ETH). Se o Bitcoin presenta de si um sistema único de garantia de transações financeiras entre contratantes (sistema de pagamento), Ethereum é uma plataforma para a elaboração de milhões de projetos semelhantes. Em outras palavras, se o blockchain do Bitcoin ou Ripple é destinado para solucionar apenas um problema (transferência de valor), Ethereum é destinado para a desenvolvimento e funcionamento de diferentes aplicações (DApps).

Ao contrario do Bitcoin, o número de moedas de ETHER é ilimitado. A emissão ilimitada contradiz aos princípios da economia e formação do preço. Porque no futuro os elaboradores planeiam alcançar o esquema de amissão limitada, mas o ETHER excessivo será extraído do sistema. Em realidade, ainda é difícil de dizer como será realizado.

Particularidades de Ethereum:

  • o sistema funciona pelos princípios da enorme rede distribuída de computadores (EVM - Ethereum Virtual Machine). A exclusividade de Ethereum são os smart-contactos (”contactos inteligentes”) que apresentam de si um míni-programa para solução de diferentes tarefas;
  • a linguagem de programação para os contratos auto-realizáveis é Solidity. A linguagem foi elaborada no ano 2014 especialmente para os contratos que eram realizados em EVM. Presenta de si um estadisticamente digitado Java Script;
  • na base da rede está o algoritmo de consenso Proof-of-Work que presenta de si um método de afirmação da transação pelos mineiros e adição deles no blockchain. A desvantagem do modelo consiste em que o controlo da rede pode ser daquele que possui 51% de capacidade de hash-potências. A promoção da transação (alteração) não pode ser instalada pela minoria;
  • a tecnologia da rede é utilizada pelas companhias como Microsoft, IBM, Acronis, Sberbank, etc.

Vantagens da plataforma decentralizada Ethereum:

  • inalterabilidade. Uma outra pessoa não pode alterar nada no sistema. A minoria também não pode insertar as suas correções, mas em casos exclusivos, o blockchain pode ser alterado pelo elaborador;
  • o funcionamento do sistema não está sujeito a paradas em caso de falho de qualquer área da cadeia;
  • a administração automática da rede sem a influencia de fator humano.

No momento da sua existência, Ethereum sobreviveu alguns entroncamentos, tanto planeados como casuais. Um dos entroncamentos casuais ocorreu na primavera do ano 2016, quando por um erro no código foi assaltada a aplicação DAO. Então, para salvar o dinheiro dos investidores, Vitalik Buterin aplicou medidas não populares, ele fez backup do roubo de dinheiro, em resultado do que ocorreu separação de ЕТН e ЕТС. Os casos de assaltos de Ethereum não são únicos, porque a rede é frequentemente criticada pela segurança baixa.

5 defeitos de Ethereum na opinião do seu elaborador:

  • A escalabilidade está no fundo. A rede aumenta com cada dia e atingirá o consenso para realizar as alterações significativas entre os participantes de rede será ainda mais difícil.
  • Proof-of-Work. Este algoritmo é bastante caro e é gastado pelos mineiros. Conforme os dados de Ethereum Digiconomist, neste momento, o serviço de rede utiliza mesma quantidade de energia, que consome a Moldávia;
  • A proteção fraca de dados. O problema de proteção de dados causou a aparecimento do Zcash e tais denominadas “batedeiras” que misturam as moedas para transações de vários pools independentes dos mineiros;
  • O risco de privar-se a criptomoeda para os utilizadores comuns, em caso de roubo ou perda de chave privada. A chave privada é única e praticamente não é sujeita à recuperação;
  • Pequenos problemas técnicos que complicam a optimização do sistema e funcionamento das mesmas aplicações em Ethereum.

Novo entroncamento lançado Metropolis deverá a corrigir os problemas de segurança e escalabilidade.

O sucesso de Ethereum levou ao aparecimento dos muitos adeptos quem tentaram-se corrigir os erros da primeira descentralização da rede. Realmente, não todos os concorrentes conseguiram alcançar mesmo resultado, mas sobre alguns vale a pena contar especialmente:

  • Lisk. O projeto surgiu em fevereiro do ano 2016 e um do seu elaborador é Steven Nerayoff que saiu de Ethereum, após de assalto do DAO. Diferentemente de ETHER que utiliza Proof-of-Work (prova de realização do funcionamento), em Lisk é aproveitado o algoritmo DPoS (prova delegada da quota). O Lisk não tem maquina virtual e fazer mineração a moeda podem somente 101 “delegados” que com método de eleição escolhem os proprietários de criptomoedas. Comparando com o Ethereum, a rede não tem muitos projetos, pelo nível de capitalização o Lisk encontra-se em 21 lugar com a soma de 1,41 mil de milhões de dólares dos EUA (no dia 17.12.17);
  • Ethereum Classic. A moeda apareceu após de entroncamento duro Ethereum no ano 2016, devido ao assalto e falência do projeto DAO na base de blockchain da rede. Na realidade, isto é mesma rede Ethereum que os utilizadores apoiam, que não aprovaram as alterações do blockchain, após o assalto. A correlação dos ЕТН e ЕТС é frequentemente inversa (tanto ВТС, como ВСН), no dia 17.12.17, a capitalização da criptomoeda constituiu 3,45 mil de milhões de dólares dos EUA, o projeto ocupa 15-mo lugar.
  • NEO. Esta rede descentralizada é chamada Ethereum chinês. A rede apareceu em setembro do ano 2016 e bastante rápido entrou em ТОП-10 por motivo de soma de capitalização. Realmente, depois a posição foi perdida e pelo estado no dia 17.12.17, NEO ocupa 14 linha com a soma que constitui 3,65 mil de milhões de dólares estadunidenses. A rede diferencia-se de Ethereum em alguns momentos significativos: utilização de modelo Proof-of-Stake à qual o Ethereum somente começa a transitar e disponibilidade de escrita dos smart-contratos em línguas, tais como C, Sharp, Java, Go. Isto expande essencialmente as oportunidades da rede. Também, na plataforma estão realizados cálculos paralelos e particionamento (processo de conservação dos documentos em alguns servidores), cujos o Ethereum não tem por enquanto;
  • EOS. Novo projeto que foi iniciado em junho do ano 2017. Este sistema operacional do consenso que oferece o acesso à base de dados assegura a planificação, autentificação, comunicação para as aplicações de Internet utilizando um tratamento paralelo de dados, graças à que a eficacia da rede constitui não menos 100 mil de transações por segundo e isto não tem nenhum dos projetos de blockchain por enquanto. Algoritmo de modelo que é DPoS. Com capitalização de 4,59 mil de milhões dólares dos EUA, o projeto ocupa 13-mo lugar.

Tornar-se um proprietário de moeda Ethereum é muito fácil, graça à popularidade da criptomoeda que atua como um equivalente eletrónico do BTC:

  • comprar na bolsa criando uma conta na mesma. Com a criptomoeda operam algumas centenas de bolsas de todo o mundo, a maior circulação ocorre no Binance, Bitfinex, Bithumb, GDAX, Poloniex. Na realidade, são frequentes casos de assaltos das contas de bolsas porque muitos investidores preferem carteiras online ou “frias” onde o ETH pode ser comprado por dinheiro fiduciário;
  • mineração. Este método de obtenção de criptomoeda ainda é vantajoso, apesar de que no futuro Vitalik Buterin planeia implementar o modelo que diminuirá o lucro dos mineiros e respetivamente também, a atratividade da mineração. Os requerimentos mínimos à mineração são Х64 sistema de descarga, 4 GB de sistema de memória operativo de, 2 GB de memória operativa GPU. É possível fazer mineração tanto no seu cartão de vídeo como também em potências alugadas. É possível arranjar uma carteira local ou abri-la na bolsa. Por exemplo, no Poloniex ocorre o depósito a partir de 1 ЕТН, no Exmo, a partir de 0,01 ЕТН;
  • guindaste. A eficácia deste método de obtenção de ETHER é duvidosa, já que, o lucro é incomensurável com o tempo perdido. Em compensação, não são precisos investimentos iniciais e é possível obter lançando programa automático.

Perspetivas de Ethereum para os investidores

As perspetivas do Ethereum, na opinião dos analistas, são mais que otimistas. Por agora não há premissas para a queda do mercado de criptomoedas, por isso, no período de longo prazo, a moeda continuará a crescer. Os concorrentes próximos da rede não entram até no TOP 10, o resto dos projetos não podem ser chamados como concorrentes, porque os mesmo têm outra essência. Cada vez mais startups de criptomoedas escolhem mesmo Ethereum. E com a implementação de modelo Proof-of-Stake a popularidade da moeda crescerá ainda mais.

As regras de investimento exitoso no Ethereum podem ser formadas de seguinte modo:

  • comprar em backups, vender no pico com a condição que a venda cobre a margem e comissões que alcançam até 15-20% em algumas bolsas.
  • tentar investir num período curto. O mercado de criptomoedas é inesperado e poderá reverter-se em qualquer momento;
  • sigam às notícias. Se excluir o crescimento geral do mercado, os fatores que influíram mais o preço do ETHER são as noticias sobre os entroncamentos e seus resultados e também, informações sobre a atenção à criptomoeda por parte das corporações.

O método mais seguro para investir em criptomoedas é o investimento através da corretora. Aqui não há risco de assalto da conta ou trapaça por parte da carteira. Aqui há uma verificação simples e segurança garantida pelo regulador independente. Saiba mais pormenores sobre esta oportunidade, passando ao link. Ganhe no ativo mais lucrativo do ano 2017!

O que é Ethereum, como investir corretamente em criptomoedas

O conteúdo deste artigo é exclusivamente a opinião particular do autor e pode não está coincidir com a posição oficial da LiteForex. Os materiais a publicar nesta página, são fornecidos exclusivamente com os fins informativos e não poderão ser considerados com um conselho sobre investimentos, nem como uma consulta para objetivos de Diretiva 2004/39/UE.

Tem as perguntas para o autor? Você poderá a fazê-las nos comentários .
Iniciar trading
Em redes sociais
Chat "ao vivo"
Deixar comentário