O que é “trading nas notícias? Sobre o que o mesmo está basado? Em que é a verdade amarga deste tipo de trading? Neste artigo, você encontrará as respostas a estas e outras perguntas.

 

Bom dia, companheiros traders!

 

Desta vez, decidi aclarar um pouco o tanto sensacional tema, como o trading nas notícias. Em Internet frequentemente aparecem rumores sobre a atratividade de tal tipo de trading, ou seja, que os movimentos são muito significativos, que o ponto de entrada sempre é claro, que as relações risco/lucro são simplesmente excelentes... Em geral, opere sem vergonha.  Mas se é tão simples, aparece uma pergunta: para quê quebrar a cabeça com todos estas estratégias de trading, examinar a capacidade de trabalho das mesmas, analisar a formação dos preços e outros conceitos turvos, como volatilidade e liquidez, se é possível simplesmente A TODOS JUNTOS operar nas notícias e através de um mês, também todos juntos ajudar aos vendedores a cumprir o plano anual de vendas de imóvel em qualquer país quente?

 

Em geral, como você já entende, gosto de fazer as perguntas incomodas de tal tipo =) Quanto mais rápido o trader pensa sobre todo isto, mais rápido será o seu caminho para a compreensão de realidade objetiva do trading.

 

1. O tarding nas notícias: ilusão de dinheiro rápido

 

Pois bem, o trading nas notícias. O quê é isso em geral? Imaginemos que você opera com a libra esterlina e DE REPENTE, sabe que a Inglaterra sai de União Europeia em breve.  Qual será a cronologia de pensamentos na sua cabeça? “Agora a libra esterlina vai a cair” – com certeza que não fui o único a sabê-lo - vender rapidamente, enquanto os outros não se recobraram”, - eu acho que algo, não é? Ou seja, durante a semana de trading, ao acesso aberto é publicada alguma informação sobre a economia de diferentes países, que poderão influir muito ao valor da moeda desses países.

 

Por exemplo, no tempo comum, por 1 euro podem ser oferecidos 1.09 dólares dos EUA. No entanto, se todos à volta saberão que na Europa, por alguma razão, “as empresas estão paradas” mesmo de manhã, o preço do euro, provavelmente, cairá. Porque o custo de 1,09 dólares dos EUA por 1 euro é normal para o grupo de países europeus com uma economia saudável, mas para o grupo de países com empresas paradas é bastante elevado, e todos compreendem isso.

Pela opinião de muitos, o trading nas notícias apresenta de si uma tentação de entrar ANTICIPADAMENTE no mercado desta maneira, para PREVER como o mercado reagirá à esta ou outra notícia. Se você analisou um par das minhas publicações e está de acordo interiormente com o seu conteúdo, é mais possível, que após da palavra “prever”, na sua cara apareceu um ligeiro sorriso.

 

Pela opinião de muitos, o trading nas notícias apresenta de si uma tentação de entrar ANTICIPADAMENTE no mercado desta maneira, para PREVER como o mercado reagirá à esta ou outra notícia.

 

Pois bem, vamos analisar a essência deste conceito. Mesmo considerando simplesmente que você poderá saber antecipadamente, como o mercado reagirá ao preço, você admite que:

  • Você sabe sobre a análise fundamental melhor do que centenas de fundos de cobertura com grande número de analíticos. Pois, para entrar “antes do movimento”, você terá que fazer uma conclusão CERTA sobre a influência da notícia no mercado mais rápido do que eles.
  • Você conseguirá colocar uma ordem MAIS RÁPIDO do que centenas de fundos de cobertura com enormes potências de produção e infraestrutura caríssima que é aplicada principalmente para a o aumento da velocidade de cancelação de operações.
  • Você poderá ser um dos primeiros em saber sobre esta notícia. Assim mesmo, você admite que ninguém não soube sobre esta notícia antes de si e não “comprou” no sentido correto ATÉ a publicação da mesma no acesso aberto.
  • Você está seguro que, além desta notícia, possui PLENA COMPREENSÃO da imagem fundamental daquele país, cuja moeda com qual vai operar. Consequentemente, você poderá considerar antecipadamente como esta notícia poderá influir fortemente ao preço de uma ou outra moeda.

 

2. Pergunte-se: realmente você crê nisto? Como ocorre na realidade.

 

Para entender, se realmente tudo é assim tão triste como eu escrevi acima, é necessário ter compreensão básica sobre o que são liquidez, volatilidade e spread no mercado Forex:

 

2.1. Liquidez

 

A liquidez são os volumes de ordens dos “jogadores” que operam com um ou outro instrumento. Analisemos 2 exemplos.

Na imagem em retângulos vermelhos, nós vemos o volume de ordens para vender por preços a retalho. Em retângulos verdes está o volume de ordens para comprar.  À esquerda, nós vemos que o instrumento é muito atrativo para o trading: o mesmo está negociado por grande número de jogadores, os volumes de trading são muito significativos. Você poderá comprar até 500 unidades de artigos e de modo nenhum influir ao preço.

 

Ao contrario, à direita, nós vemos que o instrumento está negociado pelas 3,5 pessoas. Se você desejará comprar mesmo 150 unidades por preço do mercado, você mudará o preço de 1.11 até 1.13.  Consequentemente, o preço médio de execução para você não será 1.11, mas 1,116.

                       

2.2 Volatilidade

 

Eu penso que compreendemos a liquidez. Agora, sobre a volatilidade. A volatilidade é, se utilizar palavras simples, a amplitude dos impulsos de preços.

 

Como esclarecemos anteriormente, com baixa liquidez no preço é mais fácil influir do que com alta liquidez, por isso, em primeiro caso, para isto é necessário um número muito menor do volume.

Desta maneira, quanto maior é a liquidez, menor é a volatilidade.  Quanto menor a liquidez, maior é a volatilidade (mas também, existem exceções).

 

2.3. Spread

 

Spread é um intervalo entre próximo preço de vendedor e próximo preço de comprador.

 

 

A liquidez são os volumes de ordens dos “jogadores” que operam com um ou outro instrumento. Analisemos 2 exemplos.
A volatilidade é, se utilizar palavras simples, a amplitude dos impulsos de preços.
Spread é um intervalo entre próximo preço de vendedor e próximo preço de comprador.

Consequentemente, os instrumentos com alta liquidez, spread é menor, mas os instrumentos com baixa liquidez, o mesmo é maior. 

 

3.  Em que é a sua vantagem de trading?


Agora, para não afirmar sem provas, vamos analisar os 4 pontos que estão escritos anteriormente:

  • Você sabe sobre a análise fundamental melhor do que centenas de fundos de cobertura com grande número de analíticos. Pois, para entrar “antes do movimento”, você terá que fazer uma conclusão CERTA sobre a influência da notícia no mercado mais rápido do que eles.

Em cada momento de tempo, no mercado existe melhor preço para vender e para comprar (o mesmo spread). Se em momento de publicação de notícia, a MAIORIA aguardará a influência positiva no mercado, a MAIORIA começa a comprar. A quem? Aos vendedores com melhores preços. Em resultado, o preço vai a crescer.  Por isso, se você se atrasar um pouco, o preço JÁ crescerá a conta de milhões de pessoas que tomaram a decisão mais rápido que você.

  • Você conseguirá colocar uma ordem MAIS RÁPIDO do que centenas de fundos de cobertura com enormes potências de produção e infraestrutura caríssima que é adequada principalmente para a o aumento da velocidade de cancelação de operações.

Aqui é a mesma situação. Vamos imaginar que todos sabem a notícia simultaneamente. Quem estará mais rápido em operação? Aqueles que têm tudo ajustado e automatizado antecipadamente. Bem, mas quem dos mesmos estará mais rápido em operação? Aqueles, cujos equipamentos estão localizados elementarmente MAIS PERTO do centro de processamento das ordens (sim, vivemos em universo físico).  Você compreende? A concorrência vai por milissegundos!

  • Você poderá ser um dos primeiros em saber sobre esta notícia. Assim mesmo, você admite que ninguém não soube sobre esta notícia antes de si e não “comprou” no sentido correto ATÉ a publicação da mesma no acesso aberto.

Imaginamos uma situação que você obtém qualquer informação importante sobre a economia do país e sobre qual ainda não sabe ninguém. Você espera que o preço, provavelmente, cresça. Isto significa que comprando por preço atual, você compra “barato”. O que você vai a fazer? Arrisco considerar que vai a comprar pouco a pouco pelos volumes bastante grandes.  No entanto, quando você comprou muito, agora você precisa de alguém, a quem poderá vender por preços mais altos. Ha-ha, você entende quem será? Será alguém, QUEM VAI A COMPRAR NO MOMENTO DA PUBLICAÇÃO DE NOTÍCIA! Eles vão a pensar que o preço crescerá, mas o mesmo poderá NÃO CRESCER ABSOLUTAMENTE, devido que você vai a VENDER-LHES os seus enormes volumes.

  • Você está seguro que, além desta notícia, possui PLENA COMPREENSÃO da imagem fundamental daquele país, cuja moeda com qual vai operar. Consequentemente, você poderá considerar antecipadamente como esta notícia poderá influir fortemente ao preço de uma ou outra moeda.

Não quero aplicar a palavra “impossível”, porque a mesma, como regra, causa o desejo de provar o contrário, por isso, digo assim: trader particular tem A DIFICULDADE para avaliar MULTIFATORMENTE a imagem fundamental mesmo dum país.  Para isso é necessário monitorizar um montante de fontes, de notícias, de dados estatísticos diferentes e analisar cada minuto todas essas alterações. Se não o fará, no momento da saída duma notícia importante, você estará na mesma situação como todos os outros, e, concretamente, ante dois dilemas:

  • influirá fortemente/fracamente;
  • influência conforme a notícia/a imagem geral.

Outra vez, utilizando palavras simples, sobre influir fortemente/fracamente: se é publicada uma estadística positiva sobre o desemprego, mas no país a situação está bem, tudo cresce, a economia desenvolve-se, os projetos internacionais oferecem resultados ótimos, neste caso, a divulgação desta estadística é pouco provável que causará um crescimento brusco, porque a influência geral deste mesmo desemprego não é tão significativa para economia do país neste período. Em relação à prioridade entre a notícia e imagem geral, apresento este exemplo: se é publicada uma estadística positiva sobre o desemprego, mas no país há horror, desorganização e o salário médio dirige-se ao mínimo, neste caso, esta notícia é pouco provável que influirá positivamente ao valor geral da moeda. Por isso, uma série de traders não compreendem porque a notícia é positiva, mas o preço vai “não para aquela direção”? Mas a verdade consiste em que o preço sempre vai aonde é necessário. O mercado não falha.

 

Em vez da conclusão

 

Para quê tudo isto? Para que, se você irá a operar nas notícias, pense QUE LÓGICA está na base do seu conceito de trading e A CONTA DE QUÊ você irá ganhar ESTÁVELMENTE.

Eu mesmo analisei a maioria destes “métodos fáceis” de trading nas notícias e até tentei aplicar alguns deles:

  • “Entramos pela direção para onde foi o preço logo após da notícia/a onde ia antes da notícia/onde não ia antes da notícia, etc.”Logo após da notícia, spread, como regra, é alargado.  Para encerrar uma operação em área sem prejuízos, o preço deverá ir para a sua direção com grande número de pontos! E se a mesma irá na direção contrária?
  • “Colocamos uma ordem acima e outra abaixo e esperamos qual funcionará”. Aqui, nossas ordens pendentes são realizadas como as de mercado, ou seja, CONSIDERANDO SPREAD e, portanto, lembramos o exemplo №1 e spread alegre durante as notícias.
  • “Antes duma notícia importante, o preço forma um intervalo estreito, dentro do qual entramos e colocamos Stop Loss curto”. Vamos lembrar-nos, como é que é realizado Stop Loss? Surpresa! Stop Loss TAMBÉM é realizado como uma ordem de MERCADO. Isto significa que com a sua realização por 1.0900, faticamente lhe poderão encerrar por 1.0980, considerando spread e a vossa proporção 5/1, de facto, poderá tornar-se em 1/1, ou pior.

Portanto, se você ainda tem a esperança de ganhar rapidamente no mercado de moedas, eu lhe aviso que, mesmo com uma boa combinação de circunstâncias, terá um efeito de curto prazo e não poderá haver estabilidade.

 

Entendo que é desagradável e até mesmo assustador assumir algum negócio em que poucas pessoas prosperam. Entendo que a perspetiva de começar desde o fundamento, estudar a “base” e desenvolver as habilidades necessárias sem qualquer vantagem monetária, em princípio, parece deprimente e aborrecido. Mas, infelizmente, nenhum trader enriqueceu “ao acaso” e, em geral, você não encontrará nem um único profissional em nenhum setor que estavelmente ganhe bom dinheiro sem profundo conhecimento de seu ofício. Pense sobre o que você deseja: brincar ou tornar-se num bom trader. E se é o segundo, em vez de brincadeiras com o trading nas notícias, melhor gaste o tempo em teoria ou prática do trading com qualquer sistema.

O trading nas notícias: é realmente tão simples assim?

O conteúdo deste artigo é exclusivamente a opinião particular do autor e pode não está coincidir com a posição oficial da LiteForex. Os materiais a publicar nesta página, são fornecidos exclusivamente com os fins informativos e não poderão ser considerados com um conselho sobre investimentos, nem como uma consulta para objetivos de Diretiva 2004/39/UE.

Tem as perguntas para o autor? Você poderá a fazê-las nos comentários .
Iniciar trading
Em redes sociais
Chat "ao vivo"
Deixar comentário